Bilhete salva casamento!

Fique atenta! Atitudes precipitadas podem destruir belas histórias de amor.

Esta é mais uma daquelas histórias bonitas e bem sucedidas que merecem ser  compartilhadas e espalhadas pelo mundo a fora. A história do ” bilhete que salvou um casamento”.

A história aconteceu em Minas Gerais na cidade de São Sebastião do Paraíso e viralizou nas redes sociais, pois um advogado conseguiu salvar um casamento com um simples bilhete.

Conheça a história completa:

Contratado para tratar dos papéis da separação de um casal, Rafael Gonçalves não ficou seduzido pela ideia de ganhar dinheiro.

Muito pelo contrário, o advogado mineiro acabou por salvar aquele casamento ao ter feito quatro perguntas bem simples ao casal.

Rafael Gonçalves diz que, enquanto aquela mulher explicava por que razão havia tomado a decisão de pedir o divórcio ao seu marido, ele percebeu que naquela relação ainda havia muito amor.

Segundo o advogado, a mulher reclamou de como o marido havia mudado depois que se casaram, relatando que ele não lhe dava mais atenção.

O advogado resolveu então, no mesmo papel onde escreveu quais os documentos necessários para o divórcio, fazer quatro perguntas ao casal.

Essas quatro perguntas salvaram um casamento e o bilhete onde elas estavam escritas viralizou nas redes sociais.

Veja o bilhete:

 

Rafael pediu que o casal respondesse a essas quatro perguntas juntos.

Se depois disso, eles continuassem a querer o divórcio, que voltassem com os documentos.

Segundo o advogado, o casal apareceu em seu escritório comunicando que haviam desistido do divórcio e chegado a conclusão de que estavam passando por uma crise no casamento.

Eles então devolveram o bilhete ao advogado, para que ele pudesse salvar o casamento de outras pessoas.

O advogado aconselha a todos os casais que estão em vias de se divorciar que pensem bem antes de tomar uma decisão definitiva.

Espero que essa história possa lha ajudar de alguma maneira!

O texto foi extraído do site DoceVerdade o qual eu convido todos a conhecerem.

Fique em Paz!

Um grande beijo!

Suzana Borges.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *